Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A chama (1ªparte)

por Carlos, em 13.11.17

23472037_1932759443644694_1565105758806034511_n.jp

Chegaste até mim, por caminhos tortuosos, os mesmos que me decidi a percorrer na imensidão da noite e do pecado!
Sabia eu que todo o abraço seria em vão, dissimulados pelo desejo da carne que nada mais pedia do que um fugaz instante de prazer! 
A vida é feita de pequenos prazeres, não podemos fugir deles!
Assim pensava eu, assim pensavas tu, não fossemos errando na quantidade de encontros que se sucederam.
Não percebi à partida o que estava a acontecer, mas o tempo fez-me compreender que o prazer carnal era forte, muito forte, mas algo mais forte ainda estava a suceder-se!
Perdemos a noção do limite imposto por mim e ali mesmo tomaste muito mais do admitido e deixei que o coração levasse a melhor sobre mim e vi-me a abraçar vezes sem conta, não a sombra que em breves minutos me fazia companhia, mas sim a alma que a partir daquele instante me fazia sonhar, ansiar e ousar!
Foram tempos de encanto em que me deixei navegar por águas serenas em oceano traiçoeiro!
Desenhei vezes sem conta aquele sorriso nos meus sonhos, fiz planos que no fundo eu sabia, seriam em vão!
Colori os meus dias com aquelas palavras que nada diziam, mas que para mim, tudo queriam!
Sim deixei-me enfeitiçar e tudo porque, contra todos os meus princípios permiti-me percorrer vezes sem conta a imensidão daquela noite, repetindo o pecado que já não era só meu, mas sim nosso!
O nosso pecado, o nosso vício!
Os dias viraram semanas e as semanas meses até que tu não apareceste mais!
Voltaste a não aparecer no dia seguinte, nem na noite e noutras tantas que se sucederam...
Ainda navegava eu por águas calmas, quando aí percebi quão traidor o oceano podia ser e sofri das maiores intempéries da minha vida!
A saudade fez-se sentir e nada amparava as minhas lágrimas!
A magia tinha-se quebrado com o silêncio que fizeste crescer entre nós!
Eu sabia, eu sabia que não era para sempre, eu sabia que a noite do pecado escondia verdades nuas e cruas difíceis de depreender!
Mesmo que a tua verdade nunca tenha deslindado, acreditava naquilo que tu me davas!
E assim o tempo foi passando, sentindo a dor da saudade, uma tristeza solitária, sempre na esperança de um regresso...que não aconteceu!
Perdi o que nunca tive e aprendi ali, a não elevar muito a chama de lume ardente!
O melhor mesmo é vivermos as emoções em lume brando!

Aos poucos desvaneceu-se a imagem de ti, do teu sorriso, do teu olhar!
Aos poucos a chama foi diminuindo e com ela a dor começava também a dissipar-se!
Até que...

imag4.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


26 comentários

Imagem de perfil

De cheia a 13.11.2017 às 20:14

Não! Não dá para nos entregarmos, porque de um momento para o outro, tudo pode acontecer.
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 20:24

Sim, tudo pode acontecer! Até que...
Amanhã encontrarás o resto!
Obrigado.
Abraço.
Imagem de perfil

De HD a 13.11.2017 às 20:23

Vai haver aqui uma mudança radical e ainda mais ardente... ;)
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 20:24

Pois...amanhã há mais!
Existe uma segunda parte!
Abraço e obrigado.
Imagem de perfil

De HD a 13.11.2017 às 20:27


Abraço
Imagem de perfil

De Terminatora a 13.11.2017 às 20:59

Que belo texto! Gostei muito. Se ao menos a inspiração me permitisse escrever coisas idênticas

Curiosa quanto ao desfecho

P.S.- Talvez queiras pensar numa nova cor para o layout? Não percebo muito disso, mas fico com os olhos "tortos" quando venho te ler... ahahaha É uma pequena sugestão, se calhar sou só eu...
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 21:15

Obrigado, o desfecho ficará para amanhã à mesma hora!
Hum quanto ao layout, quais são as cores que te fazem confusão?
Obrigado mais uma vez!
Beijinho.
Imagem de perfil

De Terminatora a 13.11.2017 às 21:59

Vou andar por cá de certeza A ver se me sai alguma coisa .

É as caixas de texto, serem pretas. Que tal um bege? Condizia com o teu castanho ali atrás
Não tens nada que agradecer, é um prazer.
Beijinho
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 22:39

Ora vê agora!
Está melhor?
Espero que não venha mais ninguém dizer que não tolera o bege!
Senão não sei o que faço...
Imagem de perfil

De Terminatora a 13.11.2017 às 23:04

Eh lá!!! Adoro! Mas eu sou suspeita que adoro bege e castanhos
De estética e design percebo ainda menos, mas parece-me que ficou mais agradável

Foste um querido em ter essa trabalheira toda, tudo para agradar os "clientes"

Por acaso acabei de escrever qualquer coisa, se quiseres espreitar.
Imagem de perfil

De M a 13.11.2017 às 21:23

Mas às vezes não dá para vivermos as emoções em lume brando...
Que lindo texto
Ansiosa pela continuação
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 21:52

Amanhã à noite a 2ª e ultima parte.

Temos que saber levar as coisas sem grande expectativa, porque senão o tombo é enorme!
Beijinho e obrigado!
Imagem de perfil

De Sónia Azevedo a 13.11.2017 às 21:42

:-) "o facto de o mar estar calmo na superfície , não significa que algo não esteja a acontecer nas profundezas" :-)
( Jostein Gaarder)
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 21:56

Adorei essa frase e já a partilhei no meu facebook!
É verdade nem tudo o que parece o é na realidade!
Não percas amanhã o desfecho deste pequeno detalhe de inspiração!
Beijinho.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 13.11.2017 às 22:49

Texto muito bonito. aguardamos o resto :)
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 22:51

Obrigado!
Amanhã à mesma hora o desfecho!
Grande abraço.
Imagem de perfil

De Sílex a 13.11.2017 às 23:29

Gostei imenso! Mesmo, muito. O amor... que tanta alegria e prazer nos traz, como dor e angústia nos deixa por vezes, também, nas mãos vazias depois do afecto que nos marcou. O blog está muito bonito. Parabéns por tudo. Amanhã virei ler o resto. Uma boa noite e tudo de bom!
Imagem de perfil

De Carlos a 13.11.2017 às 23:33

Obrigado pelas tuas palavras!
O amor que faz doer não vale a pena! Ou será que...
Volta amanhã para a 2ª e ultima parte!
Boa noite para ti também!
Imagem de perfil

De Maria a 14.11.2017 às 08:59

E agora tenho de ficar aqui á espera...
Não se faz ;D
Imagem de perfil

De Carlos a 14.11.2017 às 09:45

É hoje á noite! Já não falta muito...
Beijinho.
Imagem de perfil

De green.eyes a 14.11.2017 às 09:30

Isto é um texto real ou ficção !?

Parece-me tão real tão sentido ... talvez porque já estive neste papel !!!
Imagem de perfil

De Carlos a 14.11.2017 às 09:46

Ai ai ai isso agora...
Espera pelo final, hoje ao final do dia!
Beijinho e obrigado.
Imagem de perfil

De Ladys a 14.11.2017 às 09:54

Fiquei curiosa, "Até que..."
Quando vais revelar o resto?
Bjs, Marina
Imagem de perfil

De Carlos a 14.11.2017 às 11:30

Hoje pelas 20h!
Escrevi-o de uma vez só...mas achei comprido demais, por isso dividi em duas partes! Beijinho meninas

Comentar


Pág. 1/2



foto do autor



Detalhes passados

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D


imag2.jpg


No facebook


Outros detalhes